Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Quadrilha é presa em flagrante quando tentava roubar carro em bairro de Rio Branco

Cinco homens foram presos em flagrante quando tentavam roubar um veículo na tarde de segunda-feira (5), no bairro Nova Esperança, em Rio Branco. Conforme a Polícia Civil, a quadrilha atuava há cerca de três meses na capital e também roubava casas.

A Delegacia de Combate a Roubos e Extorsões (Decore) prendeu em flagrante Henrique Mendes de Araújo, Rony Duarte Gomes, Denilson de Souza Lima, Arlenilson Silva Pinheiro e Cledivar Alves de Oliveira.

Todos devem responder por formação de quadrilha, organização criminosa e roubo majorado, quando há emprego de arma de fogo.

"É um grupo com um número considerável de assaltantes, isso aqui é apenas parte da quadrilha. Várias vítimas reconheceram eles por outros crimes. O Araújo já tinha um mandado de prisão contra ele por um roubo no bairro Adauto Frota junto com outros comparsas que já foram identificados", afirmou o delegado Sérgio Lopes, que investiga o caso.

Os veículos roubados, segundo o delegado, eram levados para a Bolívia onde eram vendidos e, às vezes, trocados por armas e drogas.

“Parte desta quadrilha já tinha sido presa por uma equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF-AC), quando um casal voltada da região de fronteira traficando dois quilos de cocaína e cerca de R$ 7 mil. Continuamos as ações para prender outros integrantes”, destacou.

Assalto à casa de idosos
O mandado de prisão contra Araújo é devido ao roubo à casa de um casal de idosos. O caso ocorreu 17 de agora no bairro Custódio Freire, em Rio Branco. Além dele, a polícia também prendeu Francisco Araújo da Costa que confessou participação no crime.

“Foi uma investigação meticulosa, cinco pessoas foram identificados por ter assaltado esse casal de idosos. Na ocasião levaram vários pertences da vítima, inclusive o veículo do casal”, relatou.

Araújo, segundo o delegado, já foi encaminhado para a audiência de custódia e Costa está sendo interrogado.

“Já explicamos a situação para o Francisco e as provas que temos contra eles. Ele já está confessando a participação dele no crime. Também vamos apresentar eles a outras pessoas que podem reconhecer ele de outros crimes”, destacou
Por Quésia Melo, G1 AC