Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Vereador Mineirinho dar versão sobre os fatos relacionado ao seu nome e diz que tudo não passou de uma orquestração politica já quem vem incomodando os poderosos de Plácido de Castro.

Por Adriano Mendes-Acrelândia News

O site Acrelândia News, procurou o vereador Mineirinho-PSL do município de Plácido de Castro para um bate-papo e dar explicações sobre uma matéria veiculada pelo site de notícias AC 24horas, com o título: Justiça acolhe denúncia do MP contra vereador acusado de agredir mulher grávida.
Acrelândia News: Vereador Mineirinho o que você tem a dizer para nossos leitores e seguidores sobre estas denuncia vinculada na imprensa?

Mineirinho: Adriano, só pelo título já dá pra percebermos que é uma matéria sensacionalista, com caráter político, que tenta a todo custo me desestabilizar e me desmoralizar politicamente por estar realizando um trabalho duro de fiscalização que tem incomodado muitos figurões da política.
Acrelândia News: Explique melhor o termo " caráter político "?

Mineirinho: Eu tenho incomodado muito, atrapalhado o desvio de dinheiro, nenhum político gosta desse tipo de vereador, já tentaram me comprar me oferecendo o Green Card para eu ir embora do país para os EUA, já tentaram me taxar de doido, desequilibrado nas redes sociais e agora apareceram com essa denúncia acatada tão repentinamente pela justiça que nem eu mesmo fui notificado na qual  esse site teve informações privilegiadas, tenho certeza que teve dedo político pelo meio e de gente grande.
Acrelândia News: Fale sobre o episódio?

Mineirinho: Em meados de janeiro de 2018 passei em frente ao Supermercado Lazzare e presencie uma reforma, parei e questionei os trabalhadores que reforma era aquela, já que eles eram trabalhadores a serviço da prefeitura. Responderam que ali iria funcionar a secretaria de saúde. Inconformado me dirigi para secretaria de saúde de Plácido de Castro, onde questionei a secretária sobre aquela reforma e se estava sendo feito com dinheiro público e obtive como resposta que seria descontado no aluguel. Então falei que a prefeitura e secretaria estava sendo irresponsável, incompetente e covarde com o dinheiro público e com a população. Quando falei que iria até a Polícia Federal a mulher passou mal. Afinal eles não queriam ter a PF na sua cola.

Acrelândia News: E saindo de lá qual foi teus procedimentos para com a suposta obra irregular?
Mineirinho: Fui até a sede da polícia federal, eles me responderam que não podia fazer nada e mandou eu procurar o MP. Chegando lá o MP me orientou a fazer um ofício solicitando o contrato de aluguel, até hoje não foi respondido. A única coisa que sei é que no dia seguinte não tinha mais ninguém naquela reforma na qual segue até hoje.

Acrelândia News: E como está sendo sua relação com o MP?

Mineirinho: Adriano, fiz várias denúncias, até receber como resposta, que eu estava criando um ambiente de denuncismo. Procurei a corregedoria do MP, estou aguardando uma resposta. A nível local o reflexo da minha conversa com a corregedoria foi a agilidade do promotor em oferecer denúncia contra mim o que refletiu nessa matéria sensacionalista sem pé e sem cabeça e muito menos agiram

Acrelândia News: Você não tem medo de ir de encontro o Poder Executivo, Legislativo e Judiciário?
Mineirinho: Enquanto eu tiver na função na qual fora a mim atribuído, não me intimidarei, continuarei fazendo o que é certo. Já estou procurando outros meios já que nosso executivo municipal está bem blindado.

Acrelândia News: Pra encerrarmos essa entrevista, sabemos que você tem feito seu papel, fiscalizando com destreza e fundamentado em documentações bem elaboradas. No papel de político como você está se sentindo?

Mineirinho: Adriano, esse foi o maior desafio de minha vida, eu ter que dividir o tempo entre minha loja agropecuária, minhas terras, e principalmente minha família. O pior de tudo isso é você ter que enfrentar um mecanismo desse corrompido, onde todos querem tirar proveito do dinheiro público. Já pensei várias vezes largar e ir cuidar das minhas coisas, mais seria um ato covarde com a população de Plácido de Castro. Vejam só, todos os dias recebo mensagens de pessoas denunciando algo, e essas pessoas depositaram a confiança em mim, então não tenho como abandona-las.