Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Lista do TCU conta com 191 processos de gestores acreanos julgados irregulares

A lista de gestores que tiveram contas julgadas irregulares divulgada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) nos meses que antecedem as eleições desta ano, conta com 191 processos de 108 gestores de 16 municípios do Acre, entre ex-prefeitos, secretários e diretores de instituições do Estado e municípios.
A lista completa tem 7.431 nomes de gestores brasileiros que tiveram contas julgadas irregulares pelo tribunal nos últimos oito anos. No Acre, 108 pessoas de 16 dos 22 municípios são citados pelo TCU. Em Rio Branco, 67 gestores estão na lista e conta com nomes que fazem parte de partidos de situação e oposição.
No município Cruzeiro do Sul, apenas cinco gestores estão na lista do TCU. Outros municípios com o mesmo número de citações são Xapuri e Capixaba. Tarauacá, Porto Acre e Bujari aparecem com quatro citados cada. Brasileia e Sena Madureira contam com três gestores citados cada município.
Marechal Thaumaturgo tem dois gestores citados. Senador Guimard, Assis Brasil, Feijó, Porto Walter, Manoel Urbano e Rodrigues Alves tiveram um gestor citado cada. A lista para fins eleitorais foi divulgada no portal do Tribunal de Contas da União e está disponível para consultas no endereço eletrônico do órgão.