Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Governo discute fluxo de atendimento de saúde mental em Acrelândia

A Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), por meio do Departamento de Ações Programáticas e Estratégicas (Dape), em parceria com o Gabinete da Vice-Governadoria, esteve em Acrelândia na semana passada discutindo ações de saúde mental naquele município.
O trabalho é realizado em conjunto com Secretaria Municipal de Saúde e tem como objetivo alertar a população sobre cuidados que podem evitar o comprometimento da saúde mental e intensificar as ações no município, fortalecendo as estratégias de atendimento.
João Paulo Silva, diretor do Dape, afirma que além de apresentações das estratégias de saúde mental que devem ser executadas no município, um outro objetivo é traçar os fluxos de atendimentos à população.
“Como Estado, agora, além da apresentação de ações que devem ser executadas, iremos continuar acompanhado a construção desses processos de trabalho. Iremos, de fato, monitorar e avaliar os serviços e as funções técnicas e estratégicas do município”, destacou Silva.
Durante todo o mês de março, é realizada a qualificação dos profissionais da unidade mista de saúde de Acrelândia e das equipes que compõem o programa de Saúde da Família, além da oferta de atendimento psiquiátrico à população.
A psicóloga Francisca Gomes, do Núcleo de Apoio à Saúde da Família da Secretaria de Saúde de Acrelândia, destaca o apoio que o município tem recebido da Sesacre. “É bom ver que temos o apoio de todos os órgãos competentes do município e principalmente do estado, pois além da apresentação de estratégias que deveremos executar, houve também proposta de implantação de fluxo de atendimento para a população”.