Há mais Nova Clinica UNID-DENT na Vila Evo Morales fronteira com Plácido de Castro

Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

TV Acrelândia News

Publicidade

Janeiro de 2018 é considerado o mais violento da história do Acre com 45 mortes violentas

Por
Foi o janeiro mais violento da história do Acre. O primeiro mês de 2018 registrou 45 homicídios, um a mais que o mesmo mês do ano 2017.
O crescimento assustador do número de assassinatos é atribuído ao conflito entre facções criminosas que avançam no estado dominando territórios do tráfico de drogas.
O governo do Acre põe a culpa na política de segurança do governo federal nas fronteiras do Acre com o Peru e a Bolívia, dois dos principais produtores de drogas do mundo, rota do tráfico internacional usada pelo crime organizado.
Inevitavelmente, a violência desgasta o secretário de Segurança, Emylson Farias, vice de Marcus Viana, candidato ao governo pela FPA, embora o petista tente afastar, estrategicamente para evitar mais desgaste, o tema segurança do debate político eleitoral, o que, obviamente, é impossível. A própria sociedade, vítima do caos no setor, cobra.
No cansado time da Segurança Pública, Sebastião Viana escalou um novo integrante: o coronel Marcos Kinpara, que assumiu o Comando da Polícia Militar do Acre semana passada. O oficial tem experiência. Está há mais de 20 anos na corporação. Ao assumir a PM, instituiu o policiamento com motocicletas, a Companhia Raio.
“Vamos combater a violência, principalmente investigando as facções por dentro e coibindo a criminalidade e ações delas em nosso Estado. Nas entradas da cidade e áreas rurais contaremos com o apoio, por meio de parceria com o Exército Brasileiro”, anunciou Kinpara à imprensa em um café da manhã nesta terça-feira, 30, em seu gabinete no quartel da PM.
A maioria dos assassinatos foi praticado com arma de fogo. Foram 33 mortes violentas em Rio Branco, seis em Cruzeiro do Sul, três em Tarauacá, uma em Xapuri, uma em Feijó e uma em Mancio Lima.
Ano passado foram registrados mais de 480 homicídios no Acre, contra 350 em 2016. Em 2015 foram pouco mais de 160 assassinatos.

Lista

👉 Segunda-feira – 01/01
1 – Josué Souza de Araújo, morto a facadas, Transacreana
2 – Izomar Vieira de Andrade (47), Ramal da Uga, Belo Jardim, morto a facadas.
👉 Terça-feira – 02/01
3 – Alan Lima Leite (25) – Ramal Bom Jesus, morto a tiros.
4- Francisco da Silva Soares (52), Ramal Menino Jesus, Taquari, morto a tiros.
👉 Quinta-feira – 04/01
5 – David Rodrigues da Silva, Rua Flamengo, Laelia Alcântara – quinta-feira (04).
👉 Sexta-feira – 05/01
6 – Francisco Cleuderson Sales de Oliveira (33), Jorge Lavocat, morto a tiros.
7 – Venilson Cruz dos Anjow (29), Rua das Mangueiras, Boa União, morto a tiros.
8 – Jamisson da Silva Marques (27), bairro Remanso, *Cruzeiro do Sul*, morto a tiros.
9 – José Esmael Pereira da Silva (31), sofreu tentativa de homicídio em Feijó dia 26 e morreu em Cruzeiro do Sul. Alvo de tiros.
👉 Sabado 06/01
10 – John Wesley, 15 anos, Cidade do Povo, morto a tiros.
11- Roseane Dantas da Costa (14), Tarauacá, degolada.
👉 Domingo 07/01
12 – Herlem Moraes da Silva, Estrada do Calafate, morto a facadas (Autor preso)
13 – Josué de Almeida Pontes (20 anos), Travessa Cerâmica, Alto Alegre, morto a tiros.
👉Segunda-feira 08/01
14 – Altevir Rodrigues de Oliveira (61), km 10, morto a tiros, Porto Acre (Latrocínio)
15 – Mateus Souza Gomes (19), Tucumã, morreu em troca de tiros com a polícia.
16 – Alisson Pereira (23), Tucumã, morreu em troca de tiros com a polícia
17- Raimundo Venâncio de Souza (47), morreu no PS, golpes de paulada em briga generalizada na estrada do Calafate, domingo (07).
👉 Terça-feira (09)
18 – Auricio da Silva Brito (30), Montanhes, morreu no PS após levar um tiro.
👉Quarta-feira 10/01
19 – Geris da Silva Ângulo (29), assassinado a tiros, bairro Taquari.
20 – Karlison da Silva Braga (19), assassinado a tiros, Santa Inês.
21 – Odair de Souza Silva (21), morto a tiros, Boa União (Sobral).
👉 Sexta-feira 12/01
22 – Rubens Damásio da Silva (22) morto a facadas no município de Feijó.
👉 Sábado 13/01
23 – Débora Freitas Bessa (19), morta a facadas, Caladinho/Tancredo.
24 – Marcley Cunha Marques (34), morto a tiros, 18 de Setembro / Quinari.
25 – Alexandre da Silva Nazaré (32)Antônio da Rocha Viana, morto a tiros.
26 – Wesley de Araújo (18), Ramal do Mutum/Alto Alegre, morto a tiros.
27 – Jardel Filgueiras Gadelha (33), Seringal Barra da Colônia, Xapuri, morto a tiros.
28 – Claisson Santos, morto a tiros e golpes de faca, zona rural de Cruzeiro do Sul.
👉 Segunda-feira 15/01
29 – Junior César Pontes da Silva (19), morro a tiros, bairro Placas.(Latrocinio)
30 – Igor Cândido Ribeiro, morto a tiros, rua 7 de dezembro, bairro Ayrton Sena.
31 – Izaquiel Freire de Abreu, morto a tiros, Benjamin Constant, Tarauacá.
👉 Terça-feira 16/01
32 – Lucas Pinheiro (23), torturado até a morte, bairro Conquista.
👉 Quinta-feira 18/01
33 – Joel Vieira da Silva (25), morreu vítima de disparo em confronto com a polícia, bairro Santo Afonso.
34 – André Vitor Moraes Souza (20), morreu vítima de disparo em confronto com a polícia, bairro Santo Afonso.
👉 Sexta 19/01
35 – Pedro Nascimento de Araújo (23), morte por arma de fogo, Ramal da Judia, Belo Jardim
👉 Sábado 20/01
36 – Vitima identificada apenas como Jorge, alvo de disparos de arma de fogo no bairro Taquari
👉 Quarta-feira 24/01
37 – José da Silva Lebre Gomes, 22 anos, morto a tiros no bairro Miritizal, em *Cruzeiro do Sul*.
👉 Quinta-feira 25/01
38 – Sirley Pereira de Andrade, morto a tiros no bairro Carandá, Baixada da Sobral.
39 – Raimundo da Conceição Barros, 40 anos, morto a tiros no bairro 15, segundo distrito de Rio Branco.
👉 Sábado 27/01
40 – Wila Muniz de Moura, de 27 anos, morto a tiros, bairro São Francisco.
41 – Luciana Damasceno, 28 anos, morta a tiros na Rua Cegonha, bairro Novo Horizonte
👉 Segunda-feira 29/01
42 – Daniel Teles Martins da Silva (22), Ossada humana encontrada no Rio Juruá, bairro Miritizal, em Cruzeiro do Sul.
43 – Vanisson dos Santos Freira (12), Ossada humana encontrada no Rio Juruá, bairro Miritizal em Cruzeiro do Sul.
👉 Terça-feira 30/01
44- Homem não identificado morto a facadas na zona rural de Tarauacá.
👉 Quarta-feira 31/01
45 – Joelson da Costa Gomes, 30 anos, morto a tiros, zona rural de Mancio Lima