Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Estudante contraria informação sobre desaparecimento e diz que fugiu de casa porque era abusada; mãe diz que é mentira

A estudante Rosiane Oliveira (13 anos) contrariou a notícia espalhada por sua família de que está desaparecida. A informação foi veiculada na imprensa local nesta semana. A família afirmara que a adolescente havia saído de casa na sexta-feira da semana passada, dia 10 de novembro, para fazer trabalho de escola na casa de amigas e não retornou para casa.
Até campanha à procura da adolescente foi feita na internet. Mas, por meio de uma postagem em seu perfil no Facebook, Rosiane diz que está “casada”, não desaparecida. Ela faz acusações graves contra seu padrasto.
“Não estou desaparecida, não. Apenas fugi porque estou cansada de ser abusada por meu padrasto e mesmo assim minha mãe apoia”, afirma a adolescente, que acrescenta na postagem a hashtag “#diganãoaoabuso”.
Em outra postagem ela afirma. “C… mermão, eu não estou desaparecida não nessa p… Eu já falei que tô casada, tô bem minha mãe sabe que se eu colocar a boca no trombone vai se f… porque o safado do marido dela sabe o que fazia. Eu peço que PFV parem de dizer que estou desaparecida, mermão finjam que morri nesse c… Vão pro inferno (sic)”.

Mãe diz que não é verdade

Dona Raimunda Nonata Silva da Cunha falou com a reportagem de ac24horas e disse que não é verdade que sua filha é abusada. Ela namora um homem, que só a visita quando ela está em casa, afirma.
Dona Raimunda tem outras três filhas, além de Rosiane. Ela afirma que a adolescente até agora não entrou em contato com ela.
“Isso não é verdade. Se minha filha sofresse esse tipo de agressão eu era a primeira a estar do lado dela e ir à delegacia denunciar. Eu não sou casada, eu não tenho marido. Tenho um namorado. Ele não mora comigo. Eu tenho quatro meninas e evito presença dele quando eu não tô aqui. Para evitar pessoas de ficarem falando”, diz.