Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Deracre atrasa pagamento de quase R$ 1 milhão à empresa terceirizada

O Departamento de Estradas e Rodagem do Acre (Deracre) é um dos órgãos do Governo do Acre que está atrasando pagamentos às empresas terceirizadas que prestam serviços à instituição. O rombo já se aproxima de R$ 1 milhão, segundo apurou o ac24horas.
A situação foi confirmada pelo Deracre, que informou através da Assessoria de Imprensa que não há dinheiro em caixa para fazer as quitações. O órgão explicou também que outras secretarias do governo acreano estão passando por esse problema, justamente pela falta de orçamento.
Um dos empresários prejudicados como o “calote” do governo acreano, que temendo represálias pediu para não ser identificado, conta que já recorreu por diversas vezes ao órgão, mas que nada é resolvido. Ele denuncia ainda que os documentos não são aceitos e que o órgão faz manobra para não quitar débitos.
“É uma situação difícil. Eu não tenho como pagar o salários dos meus funcionários mais. O contrato com o governo é uma via de mão dupla. A gente tem que receber para pagar os funcionários. A gente usa o capital, mas não tem quem aguente com atrasos desde agosto. Nem aceitam nossos documentos mais”, reclama.
O Deracre estaria descumprindo até os acordos repactuados com as empresas. Isso tem prejudicado ainda mais a situação das empresas, que acionadas pelo Ministério do Trabalho (MTE) e Ministério Público do Trabalho (MPT), já não encontram mais saída para o problema, senão tornar a situação pública.
“Muitas empresas hoje atravessam um momento delicado não apenas por falta de pagamento em dias por parte das Secretarias, mas também em virtude principalmente da falta de pagamento de valores referentes às repactuações dos contratos”, diz a nota assinada pelo Sindicato das Empresas Prestadoras de Serviços Terceirizáveis do Estado do Acre (SEAC/AC).