Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Justiça Federal concede Habeas Corpus para o ex-prefeito Aldemir Lopes

A 4a a do Tribunal Regional Federal da Primeira Região concedeu em parte o pedido de Habeas Corpus protocolado pelos advogado do ex-prefeito Aldemir Lopes, acusado de improbidade administrativa nas investigações da ”Operação Metástase”, que investiga o desvio de mais de R$ 7 milhões em recursos públicos na cidade de Brasileia, no interior do Acre. O dinheiro teria sido gasto com pagamento de propinas, desvios de verbas e contratos fraudulentos desde 2013.
Segundo o advogado Cristhopper Capper Mariano, o TRF-1 entendeu que o ex-prefeito Aldemir Lopez não representa ameaça à investigação, já que não ocupa o cargo público há muito tempo. “Esse HC concede a liberdade, porém continua preso por conta da prisão da operação do dia 13, estou impetrando HC hoje ao TJAC, esperando que tenha o mesmo entendimento do TRF1, vez que se trata da mesma operação e mesma motivação da prisão preventiva”, diz o advogado.
Essa é a segunda vez que Aldemir Lopes é preso pela Polícia Federal. Ele foi preso a primeira vez no dia 15 de julho de 2016. Na época, o delegado responsável pelas investigações, Fares Feghali, informou que o ex-prefeito foi preso porque estaria coagindo as testemunhas do caso. A defesa de Lopes, negou a acusação. No dia oito de agosto Lopes foi beneficiado com o direito de prisão domiciliar. Lopes voltou a ser preso no dia 13 na operação Dolos-Apate.