Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Governo entrega R$ 2,5 milhões em novas armas e equipamentos para a Segurança

Samuel Bryan 
O governador Tião Viana realizou na manhã desta terça-feira, 5, a entrega de armas, munições e equipamentos para as forças de segurança pública do Acre, num investimento de R$ 2,5 milhões. A solenidade foi realizada no auditório da Secretaria de Estado da Polícia Civil (SEPC).
Para o Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) foram entregues 20 carabinas, 30 fuzis, 50 escopetas calibre 12, munições ponto 40, 556, e calibre 12. Além de um caminhão, munições para controle de distúrbios, incluindo granadas e insumos para treinamento das forças de segurança. Já o Corpo de Bombeiros recebeu material para resgate e salvamento.
Tião Viana ressaltou que o Estado não tem medido esforços para o fortalecimento do setor de Segurança Pública do Acre, mesmo perante um momento de crise econômica. Ele voltou a afirmar que a maior ameaça hoje do Brasil é o tráfico de drogas, que necessita de um combate mais enérgico do governo federal, por estar entre suas atribuições constitucionais.
“Estamos entregando armas poderosas como demonstração de poder para as nossas forças de segurança, num investimento que assegura a autoridade do Estado contra o crime que toda hora tenta nos intimidar. A droga está sempre no meio e cada vez reagimos com mais força e autoridade, porque não vamos aceitar o Estado refém do crime”, disse o governador.

União de esforços


Armamento e equipamentos serão enviados principalmente para o Iapen e Corpo de Bombeiros (Foto: Gleilson Miranda/Secom)
A entrega de equipamentos é só uma da série de ações já adotadas pelo Estado, que investiu mais de R$ 475 milhões com pessoal, manutenção e infraestrutura da segurança pública em 2016. O governo soma outros R$ 62 milhões para este ano entre equipamentos, reformas e ampliações das unidades penitenciárias. Além disso, o governo federal sinalizou favorável à construção de um presídio federal e recursos para uma nova unidade estadual no Acre.
O secretário de Estado de Segurança Pública, Emylson Farias, reforçou: “São ações que vão atender todo o estado do Acre, mais ações da polícia e o fortalecimento dos bombeiros. Estamos aqui buscando melhorar cada vez mais a condição dos operadores de segurança pública. Estamos com ações nas ruas a todo o momento e outras que virão no futuro”.

Apoio ao operador de segurança


Ciab atende em média três mil servidores da segurança por mês, incluindo seus familiares (Foto: Gleilson Miranda/Secom)
O governador Tião Viana aproveitou para visitar o Centro Integrado de Apoio Biopsicossocial (Ciab), ligado à Secretaria de Segurança Pública (Sesp), que realiza um importante trabalho de auxílio psicossocial para profissionais da segurança pública que necessitem do trabalho.
O Ciab atende em média três mil servidores por mês, incluindo seus familiares. Hoje, a equipe atua com 12 psicólogos, dois psiquiatras, um clínico-geral e um assistente social, com a missão de promover a reintegração psicológica dos operadores de segurança, promovendo a qualidade de vida.