Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Após ouvir discurso de Daniel sobre legalização da maconha, Eliane sofre derrame


A deputada Eliane Sinhasique (PMDB) sofreu um derrame ocular na manhã desta quinta-feira (17) durante a realização da sessão solene realizada na Aleac para o lançamento da Campanha: “A Vida é Feita de Escolhas”, que tem como objetivo a realização de uma campanha preventiva para contribuir na diminuição do uso de drogas e redução da criminalidade no Estado do Acre.
Segundo informações da assessoria de Sinhasique, o estresse pode ter sido a causa do derrame. A peemedebista teria passado mal após o discurso do líder do governo, Daniel Zen (PT). O deputado petista defende a legalização das drogas. A assessoria de Sinhasique informa ainda que ela não queria que Zen fizesse pronunciamento durante o ato solene proposto por ela.

A assessoria relata que Sinhasique ficou muito estressada e a pressão subiu com o discurso de Daniel Zen. Ela foi ao banheiro, quando voltou estava com o problema no olho. O deputado estadual e médico Jenilson Leite (PCdoB) realizou o primeiro atendimento ainda no plenário da Aleac. Ele receitou um captopril, mas antes do medicamento chegar, ela foi para casa.
A reportagem procurou o líder do governo, Daniel Zen. Ele nega que seu discurso tenha causado o derrame da colega de parlamento. “Ela estava desde cedo com derrame ocular. O que aconteceu foi que a pressão subiu e tomou todo olho. Eu vinha conversando com ela desde antes”. Zen faz questão de enfatizar que defende a legalização de algumas drogas, não o consumo.
“Inclusive, ela ficou brincando comigo dizendo: ‘tu nem vai vir para minha sessão das drogas, porque tu é a favor das drogas’. Eu disse para ela que sou a favor da regulamentação de algumas drogas, mas sou contra o uso, eu acho, inclusive, que você está certa que o caminho e a conscientização. Eu vou para sua sessão, eu vou lhe prestigiar”, destaca o líder do governo.
O petista finaliza informando que vai visitar Sinhasique. “Eu vou é visitar ela mais tarde, eu fiquei preocupado, mas o Jenilson atendeu ela no plenário, a pressão estabilizou. Foi um pico de pressão ai o sangue derramou no olho. É um perigo isso, poderia ser um outro vaso em outro lugar”, finaliza Zen.
Por ac24horas