Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Com fim do prazo para biometria, quase 1,7 mil títulos devem ser cancelados em Acrelândia

Com o fim do prazo para o recadastramento biométrico, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AC) informou que 1.697 eleitores devem ter o título cancelado em Acrelândia, cidade distante 105 km da capital Rio Branco. O percentual do eleitorado com biometria cadastrada chegou a 74%, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (7).
O recadastramento obrigatório dos eleitores de Acrelândia teve início no dia 2 de maio e foi concluído no dia 30 de junho. Do total de 9.940 eleitores aptos, o levantamento apontou que passaram pelo processo biométrico 7.370 pessoas.
O TRE-AC afirmou que o estado totaliza sete cidades que já passaram pelo recadastramento: Assis Brasil, Bujari, Porto Acre, Rio Branco, Xapuri, Senador Guiomard, além de Acrelândia. Com os processos ainda abertos, o Acre alcançou um percentual de aproximadamente 74% de biometria – em torno de 393 mil dos 532 mil eleitores aptos.

Recadastramento em andamento

A cidade de Cruzeiro do Sul iniciou o recadastramento dos 55.600 eleitores ainda em março deste ano. De acordo com os dados, compareceram até o momento 33 mil pessoas – um percentual de 59%. O restante – 22,6 mil – tem até setembro para passar pelo procedimento.
Já o cadastramento obrigatório do eleitorado – 7.886 pessoas – começou neste mês. Até o momento, a biometria foi feita em 61% do total, ou seja, 4.858 eleitores. Os outros 3.028 têm um prazo até o final do próximo mês.

Biometria em 2017

O tribunal acrescentou que as cidades de Brasileia e Plácido de Castro devem ser as próximas a receber atendimento biométrico. A estimativaé que, até o final deste ano, 12 municípios estejam com a biometria finalizada.