Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Apenas os Estados do Acre e Roraima tem mulheres chefiando a Casa Civil

Um dado curioso mostra o quanto é baixa a participação de mulheres em áreas consideradas mais tensas do Executivo Estadual: apenas Acre e Paraíba tem uma mulher chefiando a Casa Civil do Governo do Estado. No caso, a signatária é Marcia Regina, procuradora do Estado.
Os dados fazem parte de um levantamento feito pela Agência Estado e mostra também que, dos 27 procuradores-gerais de Justiça dos Estados e do Distrito Federal, apenas três, ou seja, 11%, são mulheres – no Espírito Santo, na Bahia e em Roraima.
De outro lado, a participação das mulheres foi majoritária em pastas relacionadas a direitos humanos, assistência social, lazer e educação, sendo estas ocupadas por 51 secretárias. As secretarias de Agricultura, Transporte e Fazenda não estão ocupadas por mulheres em nenhum dos Estados.
Essa opção pelos governos pode estar à cultura patriarcal de excluir as mulheres de decisões estratégicas.
Por ac24horas