Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Motociclista morre ao colidir contra ônibus e família acusa motorista: ‘foi crime e não acidente’

O mecânico Roberto Reinaldo de Lima, de 28 anos, morreu neste domingo (4) após colidir contra um ônibus em um cruzamento entre as ruas Flor de Maio com Sete de Setembro, no bairro Jardim El Dourado, em Rio Branco. Revoltado, o irmão da vítima, Emílio Mendonça, de 25 anos, afirmou que o motorista não respeitou sinalização e invadiu pista no momento em que bateu com Lima.
G1 tentou contato com a empresa responsável pela linha, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem.
O acidente ocorreu por volta das 9h deste domingo. O corpo do jovem foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) e a família aguarda liberação para fazer o velório. Lima deixou a mulher e três filhos, de 3, 4 e 11 anos.
“Aquilo foi um crime, foi negligência do motorista. Ele invadiu a preferência da direção do meu irmão, não respeitou a placa de ‘pare’. Não é o primeiro acidente naquele local e com certeza não é o último. Acredito que aquele cruzamento precisa ser revisto. A família está em peso, vai tentar se recuperar da melhor maneira possível e vamos tomar os procedimentos certos”, disse o irmão.
Roberto Reinaldo, de 28 anos, morreu após colidir com ônibus em cruzamento de Rio Branco (Foto: Arquivo pessoal)Roberto Reinaldo, de 28 anos, morreu após colidir com ônibus em cruzamento de Rio Branco (Foto: Arquivo pessoal)
Roberto Reinaldo, de 28 anos, morreu após colidir com ônibus em cruzamento de Rio Branco (Foto: Arquivo pessoal)
O irmão contou que ao chegar no local do crime ainda tentou falar com o motorista para entender o que tinha ocorrido. “Ele ficou dentro do ônibus, com certeza com medo e eu só queria entender. Ele disse que meu irmão simplesmente se bateu nele. E eu falei que era uma imprudência dele, por não ter parado”, relatou.