Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Polícia matou 9 pessoas por dia no Brasil em 2015, diz estudo


Um estudo inédito feito pelo 10º Anuário Brasileiro de Segurança apontou que nove pessoas foram mortas por policiais por dia no Brasil em 2015. Esse número é 6,3% maior do que o registrado em 2014. 



De acordo com o G1, 3.345 pessoas foram mortas, ao todo, por policiais militares ou civis em todo ano de 2015. O Amapá foi o estado que registrou maior letalidade (5 por 100 mil habitantes). Já o Rio de Janeiro aparece em segundo lugar, com 3,9 por 100 mil. Alagoas é o terceiro, com 2,9 por 100 mil). 
Entretanto, se considerarmos apenas os números absolutos, segundo o levantamento do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, Rio de Janeiro e São Paulo aparecem com mais letalidade, concentrando 1.493 mortes - 45% dos casos registrados no país. 
"A verdade é que parcelas significativas da população acham que a polícia tem que matar mesmo. E tem muito político se elegendo com essa plataforma. "Em um contexto de criminalidade altíssima como o Brasil vive e com todo o tipo de violações de direitos, uma descrença total na Justiça, é mais fácil acreditar que a polícia está 'resolvendo' de alguma forma”, disse, segundo o G1, a diretora executiva do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, Samira Bueno. 
A taxa de letalidade por parte da polícia no Brasil é 1,6 por 100 mil habitantes, número maior do que em Honduras, considerado o país mais violento do mundo. Lá, a taxa é de 1,2 por 100 mil. Em 2015, o país da América Central teve 98 pessoas mortas por agentes policiais.