Concurso

Concurso
Site Acrelândia News, disponibiliza link para inscrição concurso da Câmara municipal e Acrelândia. Os leitores do Site Acrelândia News, podem acessar o site para se inscrever no concurso da Câmara Municipal de Acrelândia, além e ver o edital. Basta o leitor acessar o site e clicar n a imagem do concurso, que já vai ser direcionado para o SITE da FUNDAPE, empresa organizadora do Concurso. Acesse www.acrelandianews.com. Click aqui para fazer sua inscrição

Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Jorge Viana diz que Eliane Sinhasique promete o que não pode cumprir

O senador Jorge Viana (PT) concedeu entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (5) para falar do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). Ele afirma que não houve acordo entre PT e PMDB para beneficiar a petista com a manutenção de seus direitos políticos e negou que tenha participado de reunião com o ministro do STF Ricardo Lewandowski e o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), para acertar o fatiamento do processo.
Viana falou ainda da mudança de cores na campanha de Marcus Viana (PT), que disputa a reeleição como prefeito de Rio Branco, do momento atual da política brasileira, da necessidade urgente de mudanças no Partidos dos Trabalhadores (PT), do processo eleitoral nos municípios do interior do Acre, as chances dos candidatos da Frente Popular do Acre, além das promessas de campanha de Eliane Sinhasique (PT) candidata á prefeitura de Rio Branco.
Sobre a possibilidade de novos tempos na política, Jorge Viana disse que “o pesadelo vai seguir, porque este negócio de virar a página vai ser muito difícil. Eles que fizeram o impeachment já não se entendem porque acham que o governo não vai fazer aquilo que eles acreditam. O impeachment nãoé  solução, ele mantém o pais dividido. Só uma eleição poderá pacificar este clima. Uma nova eleição precisa vir acompanhada de uma reforma ampla”, diz o senador.
acb08de8-2fa0-4ea6-b55e-b029b243891a
 Jorge Viana acredita que a crise política poderá se agravar. “O sistema está todo contaminado. A página não foi virada. Se houver uma assembleia constituinte os malandros não vão poder participar”. O petista diz que a solução para os problemas de corrupção eleitoral não passa pelo fim da reeleição, mas por um amplo processo de reforma que passa por uma redução drástica do número de partidos que hoje estariam em 34 com mais 60 esperando aprovação.

O parlamentar destaca que a votação do impeachment no Senado foi um tribunal de cartas marcadas. “Quem tem maioria tira, mas a verdade é que a gente perdeu a interlocução com a Câmara e com o Senado ao longo do tempo”. Sobre a garantia dos direitos políticos de Dilma, Jorge Viana foi enfático: “não basta cassar o mandato, tem que cassar a cidadania? Com 68 anos a presidente não poderia dar aula numa faculdade. A iniciativa do fatiamento foi nossa”.
Questionado pela decisão de mudar as cores na campanha de Marcus Viana (PT), o senador afirma que não se trata de mudança. Jorge Viana afirma que o uso da cor laranja é um resgate das cores de sua campanha à prefeitura de Rio Branco. Outra questão levantada pelo petista é que a simplicidade no material de campanha reduz os custos. “Eu introduzi as bandeiras coloridas na campanha. Não se trata de querer esconder as cores do PT ou quem somos”.
A disputa eleitoral na capital não ficou fora da pauta de Jorge Viana. “A própria Eliane Sinhasiquenão vai querer nacionalizar a campanha, porque Michel Temer está muito fraquinho. Me apavora ver ela falando que vai fazer posto de saúde aqui, creche acolá, inclusive onde já tem, botar serviço de alta complexidade. Aquilo ali tira voto. Qualquer pessoa com raciocino mediano vai ver que aquilo é uma conversa de bêbado para delegado”, destaca o petista.
O senador questiona, “como é que ela vai fazer tudo o que promete no meio de uma crise destas, onde está todo mundo tá querendo saber como é que vai pagar salário? Como ex-prefeito e alguém vive esta crise, eu estou chocado de ver a capacidade dela de prometer em tempos autuais aquilo que nem longe nem ela nem ninguém poder cumpri. Só muita inexperiência em gestão administrativa para fazer programas assim. Estou fazendo uma crítica de nível elevado”.
Para Jorge Viana, as propostas das inserções da candidata do PMDB “é uma coisa que afronta, parecido com aquilo que Branquinho fez. Eu acho algo temerário isso, não é trocadinho com Temer. Quem quer ser prefeito tem que ser realista. Ela poderia criticar a prefeitura. Dizer que vai organizar a prefeitura como uma boa dona de casa, mas vai perder, eu acho até que perde apoio. Por isso, nossa campanha mergulho na simplicidade”, finaliza.

Eliane Sinhasique contra-ataca e diz que cardeais petistas estão desesperados

“Eles estão desesperados porque não conseguiram cumprir metade do que foi prometido no plano de governo do prefeito Marcus Viana. O senador Jorge Viana deveria se preocupar com as novas propostas de seu candidato e analisar melhor o plano de governo que ele apresentou à Justiça Eleitoral”, diz Sinhasique.
Segundo a candidata, sua equipe analisou minuciosamente o plano de governo apresentado por Marcus Viana. Sinhasque afirma que “dissecando tudo que foi colocado como novas propostas, sobram apenas quatro páginas. Não prometo o impossível. Tenho como cumprir cada uma das minhas propostas”.
Eliane Sinhasique promete apresentar um relatório com as propostas de campanha que Marcus Viana não conseguiu cumprir. A peemedebista afirma que o candidato petista não apresenta novas propostas porque não tem. “Ele faz um balanço de seu mandato e esquece as reivindicações da população”.
Ela ressalta que faltando pouco mais de 25 dias para as eleições, o fantasma da derrota começou a rondar os líderes da Frente Popular do Acre (FPA), coligação comandada pelo PT. “O crescimento de nossa candidatura desperta o desespero destas pessoas. Eu já esperava este tipo de ataque dos cardeais petistas”.