Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Briga entre familiares acaba em tentativa de homicídio no Acre

Um briga entre duas pessoas da mesma família acabou com uma pessoa atingida por um tiro de espingarda calibre 20 no peito e a outra atingida por três golpes de terçado. O caso ocorreu na comunidade rural Natal, no município de Porto Walter, no sábado (23).  


Segundo Gilson Almeida Guimarães, de 24 anos, que é sobrinho do homem que levou um tiro, Valdemir Morais de Almeida, de 62 anos, disse que os envolvidos tinham uma rixa familiar antiga. 
Segundo Guimarães, o autor do disparo é José Benedito de Oliveira, de 23 anos, que é casado com a neta de Almeida. Ele disse ainda que após ferido, Almeida ainda desferiu os golpes de terçado contra Oliveira.
“Eles viviam se ameaçando. No sábado [22] meu tio foi pegar uma tarrafa para pescar próximo à casa do acusado. Quando meu tio chegou, o Benedito disse te vira para morrer, e quando ele se virou o rapaz atirou. Os dois são parentes, meu tio é avô da mulher do Benedito, mas não se davam bem, sempre discutiam”, explica.
Os dois homens foram socorridos e levados ao hospital da cidade. Na manhã de domingo (24), Almeida foi transferido para o Hospital do Juruá em Cruzeiro do Sul.
O médico Laurence Huamanne foi a Porto Valter buscar a vítima em um avião do Tratamento Fora de Domicílio (TFD). “O tiro pegou em cima do externo e os estilhaços se alojaram o pulmão. Vamos submeter ele a exame de Raio X e tomografia para ver quais os órgãos foram afetados e decidir se ele será submetido a cirurgia aqui, ou será necessário sua transferência para a capital”, disse.  
Oliveira continua internado no Hospital de Porto Walter. Segundo o médico, seu quadro é instável. Até o fechamento da matéria a vítima ainda estava sendo examinada no hospital do Juruá.