Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Bandidos que planejavam onda de crimes em Sena Madureira são capturados pela Polícia Civil

O delegado Rêmulo Diniz contou com exclusividade a ContilNet todo o trabalho da polícia que prendeu uma suposta quadrilha equipada com coletes a prova de balas, munições, duas pistolas restritas das forças armadas e rádios comunicadores. Um dos homens ainda fez uma família de refém por mais de 11 horas


De acordo com o delegado os homens que furaram o cerco montado pela polícia na BR 364 foram perseguidos e dois foram detidos, mas um deles de posse de uma pistola assaltou dois condutores de uma moto pegando-a para continuar a fuga.
“Ao se ver encurralado diante de outra blitz montada que contou com cinco carros da Polícia Civil, o individuo trocou tiros e foi quando invadiu a residência de uma fazenda do pecusrista Junior Seda e fez uma mulher e três crianças refém durante toda a madrugada chegando até as primeiras horas da manhã desta quinta-feira”, informou o delegado.
Segundo Diniz o acusado de fazer a família refém oscilava entre nervosismo e tranquilidade. Ele ainda efetuou cinco disparos quando havia toda a guarnição, repórteres, direitos humanos e até sua mãe, que foi solicitado durante a negociação.
“Depois de muita negociação e com a ajuda da mãe dele conseguimos que depois de liberar os reféns ele nos repassasse a arma de fogo se entregasse. Não sabemos ainda qual era o propósito de deles no município, em virtude de estarem totalmente equipados”, esclareceu Remulo Diniz.
Por quase 11 horas o invasaor manteve uma mulher grávida de quatro meses e quatro filhas menores sob a mira de uma pistola 9 milímetros. Uma das crianças tem hidrocefalia. Segundo a polícia, ele ainda efetuou vários tiros próximos à mãe e suas filhas.
Os homens detidos foram William de Lucas Pereira, 27 anos, Francisco Ibiapina Canbessa, Daniel Bernardino de Souza, 32, e o taxista Erialdo Maciel de Queiroz. Todos foram enviados ao presídio Evaristo de Moraes, em Sena Madureira.