Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Ministério Público Estadual tenta embargar Carnaval fora de época em Brasiléia

O Ministério Público Estadual (MP/AC), na figura da promotora Mária Fátima Ribeiro Teixeira, entrou com o pedido de embargo ao Carnaval fora de época de Brasiléia, afirmando que seriam necessários, maiores esclarecimentos sobre o uso da verba pública e previsão orçamentária do evento.
Gastos com barracas, palcos, apresentações, aparelhagem de som, estrutura, além de contratos de parcerias e licitações, estendem a lista de despesas que de acordo com o MP, devem ser esclarecidas de forma mais exata, para o bom encaminhamento do evento.
Após ser notificada pelo Juiz Gustavo Sirena, sobre a instauração do prazo de 24 horas para manifestação, a prefeitura do município de Brasileia afirma, que todas as informações requeridas já estão sendo encaminhadas em tempo hábil, e que com isso, encontra-se mantida a realização do Brasiléia Folia 2016.
O prefeito Everaldo Gomes ainda acrescenta, que confia no bom senso por parte do MP, e que acredita que a instituição deva preservar a realização de uma festividade cultural, que já ocorre no município há 18 anos.
O evento que acumula anualmente uma média de 25 mil foliões, é um dos grandes responsáveis por movimentar o comércio no município, sendo considerado pelo próprio prefeito, com uma grande fonte para geração de renda em Brasiléia.