Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

“ Seu policial me mata, atira na minha cabeça não aguento ver meu filho morto”. Diz pai de Jodair morto a tiros na Redenção

O pai de Jodair que foi assassinado com quatro tiros na noite desta quarta-feira na Vila Redenção, ao ver o corpo do filho estendido no chão no portão de sua casa, entrou em desespero, ele caiu no chão chorando pela morte do filho, gritava dizendo que a guerra só estava começando e que iria fazer justiça. ” Meu Deus, o que fizeram com o meu filho, eu sou um cara trabalhador, nunca fiz mal para ninguém, porque mataram meu filho! Eu vou fazer justiça, a polícia deveria ter prendido esse bando e não fez”.

Ele chegou a suplicar para um policial sargento da polícia Militar para que o policial atirasse em sua cabeça, já que não estava aguentando ver o filho morto. ” Pelo amor Deus seu policial, acaba com minha vida, pega sua arma e atira na minha cabeça, eu não aguento ver meu filho morto, me mata”. O policial Militar chegou a se emocionar com a reação do pai tentando lhe acalmar.

Familiares e amigos estavam revoltados com o crime, muitos dizem que Jodair fez o que a polícia deveria ter feito em proteger a própria irmã de um criminoso e foi brutalmente assassinado.