Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Promessa do MMA acreano, Deroci Barbosa, é preso por agredir ex-mulher, um sargento da PM e mandar uma outra mulher para o hospital em ataque de cíumes

O lutador de jiu-jitsu, Deroci da Costa Barbosa, de 25 anos, foi preso na noite deste domingo, 8, após agredir a ex-mulher, Milliane de Olveira Silva, de 31 anos, uma amiga dela, identificada como Pamela Pereira,  e um sargento do Exercito Brasileiro, Lourenço de Oliveira Willers, de 28 anos. A confusão ocorreu no bairro Bosque, em Rio Branco.

De acordo com informações repassadas pela policia, o lutador, que é uma das promessas do MMA acreano, teria tido um ataque de ciúmes e invadiu a residência onde a ex-mulher e a amiga dela estavam. A situação só não ficou pior devido a presença do sargento que iniciou uma luta corporal com o Deroci, mas que não foi páreo para o lutador e acabou dominado.

Ainda segundo as vitimas, Deroci arrombou uma porta da casa e quebrou alguns objetos. Ao tentar sair do local, o atleta foi cercado por populares que acionaram a Policia Militar. Ao chegar no bairro, os militares deteram o lutador que não apresentou reação e foi encaminhado a Delegacia de Flagrantes.

Segundo sua ex-esposa, a justiça já havia determinado uma medida protetiva contra Deroci. Ele deveria se manter afastado da mulher. Com isso, ele deve ser enviado ao Presídio de Rio Branco nas próximas horas.


A amiga de Miliane, Pamela Pereira, foi encaminhada ao Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco com uma fratura no nariz. O sargento do exército teve algumas lesões, mas não precisou de atendimento médico.