Geral

[Geral][bleft]

Política

[Política][bsummary]

Polícia

[Polícia][bleft]

Publicidade

Moradores ‘prendem’ ônibus escolar em protesto contra péssimas condições de ramais

Moradores da comunidade do ramal do Prata, distante aproximadamente 46 km de Epitaciolândia, realizaram um protesto devido às péssimas condições do ramal São Domingo.
De acordo com eles, os motoristas dos ônibus escolares do município e estado se recusam a entrar nos ramais para buscar e deixar os alunos, pela dificuldade de trafegar.
Na sexta-feira (20), os moradores prenderam dois ônibus em protesto e só iriam liberá-los após o prefeito providenciar melhorias nos ramais.
O vereador Marcos Ribeiro (PSB) enviou um requerimento ao diretor do Deracre, Cristovam Pontes de Moura, solicitando a recuperação dos ramais.
“Gostaríamos de saber deste conceituado Departamento das possibilidades de parcerias nas recuperações de ramais em Epitaciolândia para o ano em curso; haja vista que este Departamento sempre tem nos brindado na parceria com a Prefeitura, o que é de grande valia aos munícipes, haja vista os nossos ramais se encontrarem em péssimas condições de trafegabilidade”, escreveu o vereador no documento.
Segundo a assessoria do Deracre, trata-se de um ramal com revestimento primário que permite uma trafegabilidade boa e que o diretor Cristovam Pontes admite que realmente existem alguns buracos, mas não a ponto de tornar o local intrafegável.
“O Deracre recebeu o ofício de requerimento e o ramal São Domingo vai entrar para as discussões da programação de recuperação de ramais, que é feita todos os anos, com a participação das comunidades e dos movimentos dos produtores rurais. Neste local, o Deracre já recuperou uma ponte de 26 metros”, informou a assessoria do Deracre.
Após acordo com representantes do governo, os manifestantes liberam o veículo.(Por ALAMARA BARROS, A CONTILNET)